Bebê

Os assuntos mais importantes com os quais os pais de um bebê prematuro devem lidar

Os assuntos mais importantes com os quais os pais de um bebê prematuro devem lidar



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Muitos pais de bebês prematuros descobrem que terão um bebê prematuro quase antes do nascimento. Por esse motivo, eles não estão preparados para receber uma criança nascida dois ou três meses antes da data planejada de parto. Geralmente, a decisão de interromper a gravidez é tomada quando a saúde da criança, mãe ou mesmo ambas corre risco, o que aumenta ainda mais o estresse e afeta negativamente as emoções associadas a ela. Eu também acho que, mesmo que os pais estejam preparados para a possibilidade de parto mais cedo, por exemplo, devido ao risco de gravidez, o estresse associado ao nascimento de um filho ainda é enorme.

No entanto, é difícil dar conselhos gerais ou conselhos sobre como lidar com essa situação. Provavelmente, não existe esse conselho universal. No entanto, você pode usar as soluções ou experiências de outros pais que também tiveram um bebê prematuro. Graças a isso, o momento do parto e, posteriormente, o período de permanência da criança na enfermaria neonatal passarão com mais facilidade e menos estresse.

Aqui estão algumas coisas que os pais que pedem a filha prematura costumam perguntar sobre

O que, na situação do nascimento de um bebê prematuro, quando a criança e a mãe permanecem no hospital, o pai deve fazer?

Não é por acaso que a lista de casos começa com o papel de pais, porque na maioria dos casos são as primeiras pessoas a entrar em contato conosco para obter conselhos. O papel do pai da criança nessa situação é muito importante, especialmente para uma mulher para quem um aniversário prematuro é um choque - não apenas para sua psique, mas também para seu corpo. Assim como o corpo de uma criança é imaturo, o corpo de uma mulher não está preparado para um nascimento anterior. Além disso, as mudanças hormonais fazem com que as mulheres muitas vezes se sintam culpadas, que falharam em relatar a gravidez até o fim, que falharam como mães. Nesta situação, o pai da criança tem o papel de fornecer apoio mental. Sei pela experiência de meus pais que esse papel é bem desempenhado pelas histórias de outras crianças postadas em www.wczesniak.pl na seção Conheça o destino de outros bebês prematuros - os senhores imprimem os que são mais parecidos com a situação de seus próprios filhos e os levam às mães para ler.

Os cavalheiros também devem conter informações médicas sobre as quais uma mulher lerá, porque felizmente nem todas as condições médicas para bebês prematuros precisam acontecer com todas as crianças, por isso é melhor não se incomodar com informações negativas. É definitivamente mais fácil viver com alguma ignorância controlada - com o princípio de que até que os médicos digam que esse ou aquele outro problema de saúde ocorreu, é melhor não se preocupar com o suprimento.